Menu

Culto Online

TRANSBORDANDO DO ESPÍRITO SANTO | Pr. Domingos Jadirm

Perguntas para cada membro da célula responder

  1. Você estava presente no culto de celebração no domingo?
  2. Você estava presente no TADEL ontem?
  3. Quem é o seu discipulador? Que dia e hora vocês se encontram?
  4. Quem são seus discípulos? Que dia e hora você os encontra?
  5. Quem são seus GE’s? Que dia e hora você os encontra?

TRANSBORDANDO DO ESPÍRITO SANTO ATOS 13.52

INTRODUÇÃO: Como você está encerrando esse ano? Como está a sua vida espiritual nesse final de ano? O que você espera colher durante o próximo ano? O que você está semeando agora para colher no próximo ano? 2018 pode ser o ano do transbordar de alegria do Espírito Santo em sua vida; a decisão é sua…

Não existe privilégio maior do que hospedar o Espírito Santo em nosso corpo, entretanto, poucos têm consciência da missão de ser habitação do Deus vivo. “Respondeu Jesus: Se alguém me ama, guardará a minha palavra; e meu Pai o amará, e viremos para ele e faremos nele morada.” (João 14.23) Temos que aprender a hospedar a presença de Deus e manter essa presença viva todos os dias através da oração, leitura da Bíblia, comunhão, alinhamento com o céu e dependência do amado Espírito Santo. Só atingiremos a vida Plena que Jesus prometeu, se pelo Espírito Santo mergulharmos na presença manifesta de Deus o nosso Pai. A presença de Jesus conosco, o Espírito Santo repousando sobre nós e habitando dentro de nós, é o que nos faz transbordar de alegria e do Espírito Santo.

 

1 – JESUS SEMPRE TRANSBORDAVA DO ESPÍRITO SANTO

O maior exemplo que temos de alguém que transbordava diariamente de alegria e do Espírito Santo é Senhor Jesus Cristo. Logo após o seu batismo no rio Jordão, a Bíblia nos mostra o Espírito Santo vindo sobre Jesus, repousando e permanecendo sobre ele. (Lucas 3.21,22) “Então João deu o seguinte testemunho: “Eu vi o Espírito descer dos céus como pomba e permanecer sobre ele. Eu não o teria reconhecido se aquele que me enviou para batizar com água não me tivesse dito: ‘Aquele sobre quem você vir o Espírito descer e permanecer, esse é o que batiza com o Espírito Santo’. Eu vi e testifico que este é o Filho de Deus.” (João 1.32-34)

A Bíblia diz que Jesus cheio do Espírito Santo foi para o deserto para orar e jejuar durante quarenta dias. “Jesus, cheio do Espírito Santo, voltou do Jordão e foi levado pelo Espírito ao deserto.” (Lucas 4.1)

Após o jejum completo de quarenta dias, a Bíblia mostra Jesus andando no poder do Espírito Santo, e assim, Ele começou o seu ministério na Galiléia. “Jesus voltou para a Galileia no poder do Espírito, e por toda aquela região se espalhou a sua fama.” (Lucas 4.14) Jesus exerceu o seu ministério terreno ungido, governado e movido pelo Espírito Santo, e, Ele tinha consciência disso. Jesus declarou: “O Espírito do Senhor está sobre mim, pelo que me ungiu para evangelizar os pobres; enviou-me para proclamar libertação aos cativos e restauração da vista aos cegos, para pôr em liberdade os oprimidos, e apregoar o ano aceitável do Senhor.” (Lucas 4.18,19) O Senhor Jesus transbordava de alegria e do Espírito Santo, por isso, ele ministrava para todas as pessoas, sempre manifestando misericórdia, compaixão, graça, amor, sabedoria e autoridade espiritual. Os discípulos de Jesus que transbordam do Espírito Santo, podem realizar as mesmas coisas que Ele fez; o resultado de uma vida que transborda do Espírito Santo são muitos milagres, sinais e maravilhas. Qualquer pessoa que pela fé tocasse nas vestes de Jesus experimentava cura, milagres extraordinários. (Marcos 6.56) Exemplo: A mulher que que há doze anos sofria com um fluxo de sangue, e que gastara tudo com os médicos, mas continuava enferma, mas, ao tocar em Jesus ela foi curada imediatamente. (Lucas 8.43-48) Jesus garantiu que aquele que crê Nele como diz a Escritura Sagrada, do seu interior, fluirão rios de água viva… Disse Jesus: “Quem crê em mim como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva.” (João 7.38) A fé pura e simples, crê e viver como está escrito na Bíblia é o que nos faz transbordar os rios do Espírito Santo de Deus. Alinhamento com o coração de Deus o nosso Pai, produz uma vida que transborda de alegria e do Espírito Santo. Discípulos cheios do Espírito Santo transmitem alegria contagiante (Galatas 5.22) “Alegrai-vos sempre no Senhor; outra vez digo: alegraivos.” (Filipenses 4.4) “Agora vou para ti, mas digo estas coisas enquanto ainda estou no mundo, para que eles tenham a plenitude da minha alegria.” (João 17.13)

 

2 – O E S P Í R I T O S A N T O M U D A COMPLETAMENTE O NOSSO ESTILO DE VIDA.

Quando somos cheios do Espírito Santo, somos capacitados, encorajados e empoderados para realizar a missão que Jesus nos confiou. Sem o poder do Espírito Santo nós temos dúvidas, nos tornamos medrosos, incrédulos, fracos, até mesmo diante de situações simples… Exemplo: O apóstolo Pedro, negando a Jesus diante de uma criada… (Mateus 26.69,70) Nosso estilo de vida muda radicalmente quando somos revestidos e possuídos do poder do alto pelo Espírito Santo. (Atos 2.1-4) Exemplo: O apóstolo Pedro, o seu estilo de vida mudou radicalmente após ser batizado com o Espírito Santo… ele foi tão cheio do Espírito Santo, que as pessoas eram curadas quando ele ministrava, e, elas ficavam bem quando chegavam perto dele… (Atos 5.15). O grande problema é quando nos tornamos religiosos e perdemos a presença manifesta do Espírito Santo em nossa vida. Exemplo: José e Maria, eles receberam a responsabilidade de cuidar de Jesus, porém, um dia em uma festa da Páscoa em Jerusalém, eles perderam Jesus… então, eles voltaram e o procuram até encontrá-lo no terceiro no templo… (Lucas 3.41-52) Se nesse final de ano você percebe que o seu fervor espiritual diminuiu, que o seu primeiro amor por Jesus esfriou, volte agora mesmo… “Tenho, porém, contra ti que abandonaste o teu primeiro amor. Lembra-te, pois, de onde caíste, arrepende-te e volta à prática das primeiras obras; e, se não, venho a ti e moverei do seu lugar o teu candeeiro, caso não te arrependas.” (Apocalipse 2.4,5)

 

3 – DISCÍPULOS CHEIOS DO ESPÍRITO SANTO TEM AUTORIDADE ESPIRITUAL

Discípulos cheios do Espírito Santo, no poder do nome de Jesus, operam em um nível mais alto de ministério, unção e autoridade espiritual. “Jesus, aproximando-se, falou-lhes, dizendo: Toda a autoridade me foi dada no céu e na terra.” (Mateus 28.18) “Reunindo os Doze, Jesus deu-lhes poder e autoridade para expulsar todos os demônios e curar doenças e os enviou a pregar o Reino de Deus e a curar os enfermos.” (Lucas 9:1-2) “Eis aí vos dei autoridade para pisardes serpentes e escorpiões e sobre todo o poder do inimigo, e nada, absolutamente, vos causará dano.” (Lucas 10.19) O apóstolo Paulo, durante o seu ministério, houve um período em que ele avançou em muitos milagres extraordinários. “Deus pelas mãos de Paulo fazia milagres extraordinários” (Atos 19.11). Nesse período as coisas chegaram a um nível em que lenços e aventais de uso pessoal de Paulo, eram levados e colocados sobre enfermos, e eles eram curados e libertos dos demônios. “Deus fazia milagres extraordinários por meio de Paulo, de modo que até lenços e aventais que Paulo usava eram levados e colocados sobre os enfermos. Estes eram curados de suas doenças, e os espíritos malignos saíam deles.” (Atos 19.12) Esses relatos maravilhosos são vislumbres sobre o agir do Espírito Santo; nós não devemos apenas ler o que foi revelado, mas buscar esse mesmo poder, essa mesma unção, essa mesma autoridade, essa mesma dimensão espiritual, para marcarmos a nossa geração com um poderoso avivamento gerado no céu e operado na terra pelo Espírito Santo. Chegou o tempo dessas histórias extraordinárias deixarem de ser exceções, e se tornarem regra, norma, prática, no dia a dia das nossas células e nos cultos de celebração de nossa amada igreja. Pela fé nós profetizamos, será assim na vida e no ministério de cada discípulo membro desta igreja.

 

CONCLUSÃO: Os primeiros discípulos aprenderam com exemplo de Jesus que o maior tesouro que eles poderiam ter nessa terra, era a presença manifesta do Espírito Santo repousando sobre eles, habitando neles; era ser revestidos, possuídos, governados, ungidos e movidos pelo Espírito Santo, era ser cheios e transbordar no Espírito Santo. Aleluia! Amém!

PIB INFORMA:

 

PROFETIZANDO 2018: 11 a 22 de dezembro | Horário: 06h30 às 07h30 | Local: Rua Goiás nº 17

CANTATA DE NATAL: 23 a 24 de dezembro | Cultos de celebração | Local: Rua Goiás nº 17